sábado, 23 de maio de 2009

  • RAÍZES/ROOTS
Este é Nhô Pedro Nhana (Pedro Alexandrino Brandão), meu bisavô. Pai de Sabino Teixeira Brandão (meu avô) e avô de Virgílio Teixeira Brandão – meu pai. Estranho prazer este: ver a fotografia de uma pessoa que seguiu para a maior aventura ainda antes de eu ser gerado e entregue ao Mundo. A isso se chama genealogia, das margens do Vulcão. Obrigado, Tio Agostinho.

Fica aqui, para a multidão dos meus familiares que, como eu, nunca o conheceram.

Imagem: Nhô Pedro Nhana (Pedro Alexandrino Brandão) – meu bisavô.

2 comentários:

Joshua disse...

Tens toda a razão. Estas fotografias antigas dos nossos antepassados são mágicas.
Foi uma óptima surpresa para mim ( apesar de não fazer parte da tua multidão de familiares :))ver o rosto deste teu bisavô que só conhecia de nome.
Enfim...tenho um fraquinho por fotografias antigas e genealogia.
Para quando uma história sobre Nhô Pedro Nhana?
Abracinhos genealógicos

Virgílio Brandão disse...

Joshua,
um dia destes terei a genealogia da minha família…

Olha, vou escrever uma ou outra «estória» das minhas duas avós, Ana e Etelvina; duas mulheres extraordinárias, mas muito, muito diferentes. Um di destes, quem sabe não escreva alo sobre Nhô Pedro Nhana.
Besos :-)