terça-feira, 15 de dezembro de 2009


2 comentários:

Joshua disse...

Pobre como Iros, corpo estropiado e amigo dos imortais. Eu, Epiceto, nasci escravo.
Traduzi na esperança que fizesse algum sentido. Parece que não faz.
:(

Virgílio Brandão disse...

Achas, Joshua? Achas mesmo?... but it does, believe me. Mas também não importa, pois não temos de perceber tudo, não é? Ademais, este post é "tabelado", expressamente.
:-)

PS: Ah, também poderia ser traduzido "eu fui" escravo.