sexta-feira, 19 de Dezembro de 2008

  • O MEU POETA
«Todos esperam o seu Natal» – respondeu-me, hoje, o meu poeta.

Sem comentários: